I Circuito de Gastronomia e Cultura de Icapuí começa nesta quinta-feira, dia 03 de dezembro

Alternativa ao Festival da Lagosta, evento atende aos protocolos sanitários da covid-19 e envolve 21 barracas e restaurantes com pratos e programação diferenciados

Começa nesta quinta-feira, dia 3, e segue até domingo, dia 06, o I Circuito de Gastronomia e Cultura de Icapuí que estreará um novo formato na realização de festivais. O evento mantém o objetivo de promover de forma estratégica a produção e a difusão cultural e turística de Icapuí, característica do tradicional Festival da Lagosta, que já conquistou os paladares de visitantes do Ceará e do vizinho Rio Grande do Norte, há 15 anos, mas atenderá às restrições impostas pela pandemia da covid-19, como evitar aglomerações.

O Circuito, promovido pela Associação Grupo de Desenvolvimento do Turismo em Icapuí (GDTUR), ocorrerá de forma itinerante, ou seja, os nativos e turistas irão se deslocar entre os diversos restaurantes e barracas com o intuito de degustar das diferentes formas de preparo da lagosta e outros frutos do mar, estrelas da culinária local, obedecendo o limite do número de pessoas permitidas em cada estabelecimento de acordo com as regras definidas nos protocolos sanitários.

“Pela tradição e importância turística e econômica do Festival da Lagosta, nós do GDTur entendemos que não podíamos deixar de realizar um evento gastronômico que projete o destino Icapuí no cenário turístico. Sabendo que não seria possível realizá-lo nos moldes tradicionais, quando conseguimos em algumas ocasiões reunir público de até 10 mil pessoas em shows de música à beira mar, optamos por esse novo formato e desejamos repeti-lo nos próximos anos”, explica Geraldo Menezes, secretário do GDTur.

Participantes

Os 21 restaurantes e barracas participantes oferecerão nos cardápios pratos especiais, sendo a maioria à base de lagosta. Além disso, obedecerão a uma decoração padrão que identificará de imediato para o turista a participação no circuito gastronômico. A cada prato vendido durante os quatro dias do Circuito, os estabelecimentos contribuirão com a quantia de R$2,00. O montante será convertido em cestas básicas a serem distribuídas com as comunidades carentes de Icapuí. A previsão é de que sejam consumidos entre 300kg e 400kg de lagosta durante o I Circuito de Gastronomia e Cultura de Icapuí, adquiridos junto à comunidade pesqueira de Icapuí, fomentando a economia local.

“Os micro e pequenos empresários da cadeia do turismo e de hospedagem, especialmente, terão uma oportunidade de melhorar o faturamento porque, com certeza, o evento atrairá um público considerável, gerando empregos diretos e indiretos, de extrema importância no processo de retomada pós-pandemia”, afirma Geraldo Menezes.

Confira a lista de barracas e pratos oferecidos especialmente durante o Circuito.

1. Oh! Linda pousada – Praias de Redonda e Peroba – Prato: lagosta matuta

2. Pousada Amor a Mar – Praia de Barreiras – Prato: lagosta atolada

3. Barraca da Boneca – Praia da Redonda – Prato: espetinho de lagosta

4. Barraca O Reginaldo – Praia da Redonda – Prato: lagosta ao thermidor

5. Barraca Brisa do Mar – Praia de Barreiras – Prato: lagosta no abacaxi

6. Barraca do João Velho – Praia de Requenguela – Prato: lagosta costa do sol

7. Mulheres de Corpo e Algas – Praia da Barrinha – Prato: panqueca com algas ao molho de maracujá

8. Pousada e Restaurante Canaã – Praia de Ponta Grossa – Prato: trio da casa – filé de robalo, lagosta e camarão

9. Barraca Pantanal – Praia de Ponta Grossa – Prato: lagosta pantanal

10. Pousada Encanto Há – Praia da Redonda – Prato: lagosta ao molho de manga

11. Hotel Casa do Mar – Praia de Tremembé – Prato: arroz de lagosta

12. Peixada do Toinho – Praia de Manibu – Prato: dobradinha crioula

13. Pousada Beija-flor – Praia da Redonda – Prato: pizza de lagosta

14. Restaurante Garfo com Letras – Praia de Ponta Grossa – Prato: lagosta ao molho quatro queijos

15. Restaurante Mistura do Nordeste – Serra de Olho D’água – Prato: carne do sol completa

16. Barraca da Chaguinha – Praia de Quitérias – Prato: lagosta ao molho de caju com farofa de castanha

17. Pousada o Francisco – Praia de Barreiras – Prato: lagosta rústica

18. Barraca da Peixada – Praia de Barreiras – Prato: espaguete marítimo

19. Barraca Pôr do Sol – Praia da redonda – Prato: lagosta ao forno no azeite e manteiga

20. AV Restaurante – Praia de Manibu – Prato: maminha ao queijo de coalho

21. Barraca do Carlinhos – Praia da Redonda – Prato: lagosta ao alho e óleo

O Circuito

O I Circuito de Gastronomia e Cultura de Icapuí é uma realização da Associação Grupo de Desenvolvimento do Turismo em Icapuí (GDTUR) em parceria com o Sebrae e com o patrocínio da Prefeitura Municipal de Icapuí e do Banco do Nordeste.