M. Simeão lista dicas para o desenvolvimento assertivo de equipes em 2021

Em decorrência da pandemia causada pela Covid-19, o ano de 2020 foi atípico para todos, inclusive no mundo dos negócios. Diante deste cenário, os líderes precisaram se adaptar às mudanças imprevisíveis, como a adoção do home-office. Para 2021, a liderança será tão decisiva quanto 2020, além de ser estratégica para a ascensão e desenvolvimento dos negócios. Por isso, a M. Simeão, empresa cearense com mais de 10 anos de referência no segmento de Gestão de Pessoas e Psicologia Clínica, lista quatro dicas para o desenvolvimento assertivo de equipes em 2021:

Construção de metas atingíveis: independente do negócio, as metas realistas e atingíveis são essenciais. Construí-las de forma estratégica, a fim de envolver os colaboradores nas ações, é crucial para a condução do trabalho ao decorrer do ano. Apesar de difícil, é necessário que os líderes saibam colocar em prática os ensinamentos de 2020. Também é viável estabelecer metas que possam ser ajustadas (se necessário) e de acordo com os objetivos da empresa.

Boa comunicação: Com a adoção de novos hábitos, o reforço da comunicação corporativa se faz essencial. Para isso, ela precisa ser assertiva, efetiva e transparente, a fim de manter a equipe alinhada e engajada, mesmo remotamente. Pedir sugestões, esclarecer dúvidas e estar disposto a ajudar é fundamental. Entre os colegas de trabalho, a harmonia e o respeito são primordiais, haja visto que apesar de perfis diferentes, a união de diversas habilidades pode se complementar. Encontros sociais ou reuniões (mesmo online) que permitam a aproximação entre as pessoas, a fim de estimular o entrosamento e compartilhamento de ideias, pode ser útil para desenvolver uma equipe de alta performance.

Feedbacks constantes e construtivos: atributo indispensável para os líderes de sucesso, o feedback serve como ferramenta de alinhamento e motivação entre as equipes. Valorizado e aplicado de forma coerente, os feedbacks proporcionam colaboradores mais engajados para a realização de atividades.

Lideranças efetivas: além de sabedoria e coragem, as pessoas que possuem habilidades de liderança conseguem ser mais motivadas, apesar de instabilidades e incontáveis desafios diante de caos e insegurança. Com entusiasmo e confiança, os líderes pautados por empatia, atitude e responsabilidade social conseguem ser destaques na efetivação dos negócios, pois é fundamental que os colaboradores vejam nele um exemplo a ser seguido; que os inspire.