Transplantados e doadores participam de sessão especial do filme “Bate Coração” no Dia Nacional de Doação de Órgãos

Próximo de estrear em circuito nacional em todo o país, o filme “Bate Coração”, primeira comédia transcendental da Estação Luz Filmes, promete divertir quem já passou por muitas emoções para ter sua vida salva e aqueles que demonstraram amor e grandeza ao permitir que outras vidas fossem salvas. Na manhã desta sexta-feira (27), por ocasião do Dia Nacional de Doação de Órgãos, cerca de 100 pessoas entre transplantados e doadores e seus familiares terão a experiência de assistir com exclusividade o longa-metragem que só chegará aos cinemas no dia 7 de novembro. A sessão especial será realizada às 10 horas, no auditório da Livraria Cultura, em Fortaleza, e reunirá representantes de Associações de Transplantados de coração, rins, medula, fígado e outros órgãos.

Eles são convidados especiais da Estação Luz Filmes e da Downtown Filmes para assistir ao filme “Bate Coração”, do diretor Glauber Filho (Mães de Chico Xavier) e que tem como produtor associado o cineasta Halder Gomes (Cine Holiúdy 1 e 2, Os Parças e Shaolin do Sertão). A ação especial do Dia Nacional de Doação de Órgãos conta com o apoio do Hapvida, um dos patrocinadores oficiais da produção. “Bate Coração” conta a história de um publicitário garanhão que muda de vida depois de receber um novo coração.

Conquistador nato e cheio de preconceitos, Sandro (André Bankoff) sofre um ataque do coração em plena noite de Réveillon. Para escapar da morte, precisa de um transplante de urgência. E a salvação vem de onde ele menos espera. Morta num acidente que ocorre na mesma noite, Isadora (Aramis Trindade), travesti dona de um salão de beleza da periferia, se torna a doadora que salva – e transforma – a sua vida.

Ainda apegada à vida material, Isadora permanece, enquanto espírito, acompanhando os passos do novo dono de seu coração; e também de sua esposa Vera (Germana Guilhermme) e de seu filho Davi (Brenno Leone), que reaparece tarde demais para conhecer o pai. Enquanto isso, Sandro começa a encarar a vida de outra maneira à medida que reconhece mudanças no seu comportamento e que desconstrói seus próprios preconceitos.

Para Anderson Nascimento, superintendente nacional da Rede Própria do Hapvida, apoiador da ação do Dia Nacional do Doador de Órgãos e patrocinador oficial do filme, “os transplantes, além de salvar vidas, são recomeços, novos ciclos e oportunidades, e isso está no filme Bate Coração, que traz essa temática de forma leve e descontraída. Faz parte da missão do Hapvida cuidar do bem mais precioso que as pessoas têm, a vida. A operadora, que já é referência em transplantes no Ceará, tem como um dos pilares o acolhimento e acredita que essa prática é fundamental para valorizar e dar mais qualidade de vida às pessoas”.

Acolhimento e qualidade são dois importantes pilares do Hapvida, e isso passa por todos os serviços realizados pela operadora. Essas práticas diárias, aliadas à qualificação técnica e o suporte garantido, fizeram do Hospital Antônio Prudente, no Ceará, uma unidade pioneira em transplante de coração e referência em transplantes de rins, medula e procedimentos de alta complexidade. O hospital tem se destacado pelos transplantes já realizados e atraído pacientes de outros estados.

Sessão Especial de Cinema para Transplantados e Doadores – Filme “Bate Coração”
Data: 27 de setembro – Sexta-feira
Horário: Das 10 horas às 12 horas
Local: Auditório da Livraria Cultura (Av. Dom Luís, 1010)
Promoção: Estação Luz Filmes e Downtown Filmes
Apoio: Hapvida