Como manter o peso depois de emagrecer?

Nutróloga dá dicas do que fazer para não perder motivação

Ter a iniciativa de começar uma dieta de maneira saudável requer uma série de preocupações: qual a meta a ser atingida, quais alimentos e com qual frequência serão ingeridos, ir mais à academia, entre outros pensamentos. Porém, uma vez que o peso desejado foi conquistado, qual é o próximo passo?

A nutróloga, Márcia Beretta, ressalta que mais desafiador do que atingir os objetivos traçados, é manter o peso. “Depois do período em que a pessoa perde a maior parte do peso, os resultados evoluem de forma mais lenta. Dessa forma, há a impressão de que nada está acontecendo, que não há mais nenhuma evolução”, afirma. Por isso, para se manter motivado, é importante que o indivíduo foque em outras metas, como intensificar exercícios físicos ou até se dedicar a alguma modalidade esportiva que lhe atraia.

Além disso, quem emagreceu deve evitar o pensamento de que já não há mais necessidade de se dedicar. Muitas vezes, pessoas próximas dizem que você já está magro o suficiente e que por isso pode se dar ao luxo de “exagerar” nos cardápios. Mas isso é ilusão. “É importante saber que uma vez alcançada a meta, o trabalho não termina. Quem atinge o peso desejado deve permanecer comendo menos e sempre associar exercícios, senão o os quilos perdidos podem ser recuperados, facilmente”, explica a Dra. Márcia Beretta.

Para facilitar esse processo da manutenção do peso, a nutróloga dá algumas dicas. “A pessoa precisa reconhecer os resultados positivos da mudança e traçar novas metas que possam ser atingidas, nada irrealista. Isso ajuda a manter a motivação pouco a pouco e a prolongar os resultados desejados”, analisa.

Sobre a Dra. Márcia Beretta:

Nutróloga pela Faculdade de Medicina da USP (São Paulo)

Mais informações:

Inspira! Comunicação e Marketing

Jornalistas

Mônika Vieira | (85) 9.8779 2007 | monika@agenciainspira.com

Mari Nascimento | (85) 9.9986-9580 | mari@agenciainspira.com